Atena X Poseidon – como surgiu a cidade de Atenas

por Ana Gabriela Lima

A cidade de Cecrópia, governada por Cecrópe (metade cobra, metade homem, filho da Terra) era uma cidade Grega, banhada pelo mar. Poseidon, querendo uma cidade para si, onde todos o adorassem e fizessem cultos e sacrifícios em sua homenagem, ele chega em Cecrópia e diz ao povo:

– Chamem essa cidade de Poseidônia e serão bem-vindos o mar para pescar. Façam seus cultos a mim e mostrar-lhes-ei quando o mar estiver seguro ou não. Assim, bateu seu Tridente no chão e surgiu uma Fonte de água salgada que era, portanto, seu presente à futura Poseidônia. – Este é meu presente à minha futura cidade, espero. Perguntem à fonte se é seguro navegar e ela os dirá.

Impressionados com a presença de Poseidon, já quase a concordarem, os homens da cidade, que viviam do mar, ficaram felizes ao saber que o deus poderia protegê-los. Mas então, Atena chega, tomando a atenção pois também queria uma cidade que a cultuasse, e assim, se dirigiu a cidade:

– Povo de Cecrópia, deem a esta cidade o meu nome e a educação terá bom desenvolvimento aqui, sendo a cidade com mais sabedoria da Grécia. Serão bons guerreiros, inteligentes e estratégicos. Como Poseidon, fincou sua lança no chão, e então surgiu uma Oliveira, seu presente à cidade. – Este é meu presente, e assim poderão viver da Terra, tendo azeite e azeitonas. Deem a esta cidade o nome de Atenas, e assim serão beneficiados.

Sem querer deixar nem um dos deuses bravos e brutos, iniciando uma guerra, Cecrópe achou mais justo deixar o povo votar. Os homens que viviam do mar, votaram em Poseidon, que os ajudaria nas pescas. Já as mulheres, que viviam da terra, votaram em Atena. Como haviam mais mulheres do que homens, Atena saiu vitoriosa.

Porém, Poseidon, bravo e sem querer perder a oportunidade, desafiou Atena em um combate. Como era muito poderoso, achou que Atena iria fugir, mas ela, sem medo aceitou. Zeus, que estava assistindo tudo, antes do confronto começar, interveio e disse:

– Melhor resolver isso com o conselho Olimpiano, mais justo será.

O caso foi levado ao conselho do Olimpo, foi como em Cecrópia, mulheres votaram em Atena e homens em Poseidon. Porém, Zeus não votou. Assim, Atena saiu vitoriosa, de novo.

Poseidon começou a sentir imensa raiva da cidade de Atenas, agora assim chamada. Os atenienses não eram mais bem-vindos ao mar, pela ira de Poseidon. Preocupados, fizeram um templo a Poseidon em sua cidade e, então, para agradá-lo, nenhuma das mulheres poderia votar. Poseidon aceitou, e, assim, os atenienses poderiam ir ao mar seguros, pois o presente permaneceu na cidade.

E essa é a história da cidade de Atenas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s